Renato Feder responde aos ataques que o afastaram do Ministério da Educação
Renato Feder responde aos ataques que o afastaram do Ministério da Educação
Renato Feder responde aos ataques que o afastaram do Ministério da Educação

O secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, respondeu, na manhã deste domingo (5), a diversos ataques que tem recebido após seu nome ter despontado como favorito para o comando do Ministério da Educação. A forte resistência das alas olavista e evangélica afastou as chances de Feder ser nomeado pelo presidente Jair Bolsonaro. 

Nas redes sociais, apoiadores do presidente divulgaram diversas informações que evidenciaram o conflito entre o que pensa o secretário e o que defendem essas alas do bolsonarismo. Feder foi atacado, entre outras coisas, por ter financiado parte da campanha de João Doria (PSDB) à prefeitura de São Paulo em 2016, por relações com ONGs ligadas à educação e por posições defendidas em um livro escrito em 2007. 

Nesta mensagem e em outras publicadas em suas redes sociais neste domingo, Feder parece ter voltado os olhos ao Paraná. Fontes próximas ao governador Ratinho Junior (PSD) disseram ao Congresso em Foco que, sem a nomeação para o MEC, Feder segue normalmente no comando da Secretaria de Educação do Estado.  

Leia mais

Renato Feder deve ser o novo ministro da Educação

3 jul, 2020

Aprovado texto-base da MP que suspende quantidade mínima de dias…

30 jun, 2020

imagem05 07 2020 16 07 18
imagem05 07 2020 16 07 18

Continuar lendoConteúdo Bloqueado

Ajude-nos a crescer! Compartilhe esta matéria com seus amigos no Facebook clicando no botão abaixo para desbloquear o conteúdo automaticamente. Compartilhar é grátis!

Clicando no botões você concorda com os termos de uso e política de privacidade

Compartilhe isso:

Curtir isso:

Curtir Carregando…

Fonte: xn--flashdenotcias-9lb.com.br/noticias/politica/renato-feder-responde-aos-ataques-que-o-afastaram-do-ministerio-da-educacao-congresso-em-foco

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here