ANÚNCIO

A morte da cantora Fabiana Anastácio foi vista como oportunidade de deboche por parte de incrédulos à fé cristã que a artista pentecostal professava. O pastor Renato Vargens, de linha reformada, repudiou a postura de quem tripudiou sobre o falecimento.

ANÚNCIO

“Muito triste saber da morte de tantas pessoas pelo Covid-19. Quem mora nos grandes centros urbanos possivelmente conhece alguém que foi vencido pelo vírus. Ontem o mundo evangélico lamentou a morte da cantora Fabiana Anastácio, contudo, para nossa tristeza e vergonha, não foram somente lamentos que lemos nas redes sociais. Houve também deboches à fé da moça e ao cristianismo por ela professado”, introduziu o pastor.

O artigo de Renato Vargens, publicado pelo portal Pleno News, trouxe uma observação sobre a característica de pessoas que não respeitam a dor de terceiros: “Os lacradores que costumam defender o que chamam de minoria somente o fazem quando lhes interessa. Quando não, são implacáveis, pérfidos, desafeiçoados e capazes de mesmo em meio a dor de alguém que perdeu um familiar, produzir acintes e deboches contra a aparência e fé daqueles que desprezam”.

Fabiana Anastácio tinha 45 anos e a obesidade, apontada como um fator agravante para quem contrai Covid-19, foi de fato um complicador para seu caso, como foi apontado pela assessoria de imprensa da artista em suas redes sociais.

ANÚNCIO

“Diante desde fato extremamente lamentável é inevitável não lembrar do apóstolo Paulo em sua carta a Timóteo ao dizer que os últimos dias seriam terríveis. ‘SABE, porém, isto; que, nos últimos dias, sobrevirão tempos trabalhosos; Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te’ (2 Timóteo 3:5)”.

ANÚNCIO

Ao final, o líder da Igreja Cristã da Aliança, em Niterói (RJ), expressou seu pesar: “Que Deus console e conforte a família enlutada e encha os nossos corações de esperança de que aqueles que morrem em Cristo, viverão eternamente ao lado do seu Salvador”.

Fonte: noticias.gospelmais.com.br/piadas-morte-fabiana-anastacio-repudiadas-pastor-136012.html

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here