ANÚNCIO

Uma nova polêmica envolvendo o coach e pastor Victor Azevedo, envolvendo uma declaração que teria colocado em xeque a soberania de Deus, foi comentada pelo pastor e teólogo Renato Vargens em um artigo recente.

ANÚNCIO

Vargens destaca que a popularidade de Victor Azevedo é recente e toda alicerçada na difusão da chamada “teologia do coaching”: “Victor tem protagonizado informações absolutamente antagônicas às doutrinas básicas do cristianismo como por exemplo de que o crente é um pequeno deus ou mesmo que a Bíblia não é a Palavra de Deus”, recapitulou o pastor reformado.

“Se não bastasse isso, o rapaz publicou que Deus não está no controle de todas as coisas. […] Além de demonstrar desconhecimento das doutrinas fundamentais das Escrituras, parece comungar com as heresias defendidas pelo teísmo aberto que nega o controle e soberania de Deus sobre todas as coisas”, lamentou. 

Renato Vargens deixa claro em seu texto que é importante destacar que esse tipo de doutrina se opõe ao que a Palavra de Deus diz sobre quem Ele é: “A afirmação que Deus não está no controle de tudo é um acinte ao Deus revelado pelas Escrituras. Eu não acredito num Deus inepto, impotente e limitado”. 

ANÚNCIO

“Eu não acredito no evangelho dos coaches que humanizaram Deus deificando o homem. Eu não acredito em um Deus que seja surpreendido por imprevistos, nem tampouco por acontecimentos que fujam aos propósitos eternos do Criador. Nosso Deus reina e tem controle sobre todas as coisas, e absolutamente nada foge aos seus desígnios”, explicou. 

ANÚNCIO

O pastor observou ainda que as “Escrituras afirmam que o governo está em suas mãos e que Ele possui domínio sobre tudo aquilo que acontece no céu e na terra”. 

“O Deus Todo-Poderoso governa o mundo, Ele é o Rei dos reis, o Senhor dos senhores, o Altíssimo Deus. A Ele pertence todo poder e toda autoridade para fazer o que lhe agrade. O mundo e tudo que nele há é o seu mundo e toda criatura que nele vive é controlada por Sua soberana vontade e poder”, reiterou Vargens, expondo a doutrina cristã que tem atravessado milênios. 

Essas doutrinas que diminuem ou negam a soberania de Deus ganham força de tempos em tempos diante de tragédias ou calamidade, como no caso da pandemia de Covid-19. Seus defensores apontam que tais situações evidenciam que Deus, em Seu amor, não permitiria ou determinaria uma peste ou desastres naturais que causasse perdas de vidas humanas.

ANÚNCIO

“Afirmo sem titubeios que as tragédias da vida, bem como os passos dos homens não fogem ao controle e domínio do Criador. Os acontecimentos ocorridos à vida de cada um dos homens não podem em hipótese alguma surpreender ao Todo-Poderoso. Como Senhor, Ele rege os acontecimentos, cumprindo sua vontade de forma inequívoca, mostrando a toda humanidade de que Ele está no controle de tudo e de todos. Portanto, à luz da Palavra de Deus, tenho plena convicção de que o meu Redentor governa sobre tudo e todos, mesmo porque, as Escrituras nos revelam um Deus que sustenta e governa o universo SOBERANAMENTE e que nada foge ao seu controle”, escreveu o pastor.

ANÚNCIO

Ao final, Vargens sublinhou sua oposição à doutrina que nega a soberania divina, descrita por ele como “uma das mais escabrosas heresias, que é limitar o grande e majestoso Deus a seres finitos, ineptos e impotentes”.

Fonte: noticias.gospelmais.com.br/deus-soberano-pastor-rebater-victor-azevedo-134815.html

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here