ANÚNCIO

Durante a pandemia do novo coronavírus, diversas personalidades, instituições e órgãos do governo tiveram a ideia de realizar lives pela internet visando alcançar determinadas finalidades. A de uma igreja, por exemplo, foi promover 72 horas de leitura bíblica.

ANÚNCIO

No período de quarentena no Brasil, milhões de pessoas precisaram recorrer a diferentes métodos e estratégias para ocupar o seu tempo da melhor forma possível.

Estudar a Bíblia Sagrada sem dúvida foi a melhor das opções, e foi pensando nisso que a  Igreja Presbiteriana em Alphaville (IPALPHA) reservou um espaço em sua agenda online, através de um canal no YouTube, para levar o Evangelho de Cristo de forma criativa à sociedade.

Entre os dias 26 e 28 de abril a igreja fez a leitura de 72 horas consecutivas, ininterruptas, da Bíblia Sagrada. Pessoas diferentes se revesaram para dar continuidade ao projeto. No total, a live teve mais de 83 mil visualizações e o número só aumenta.

ANÚNCIO

Segundo informações do Visão Oeste, a igreja contou com o apoio de instituições como a Sociedade Bíblica Brasileira (SBB) e a Turma da Bíblia.

ANÚNCIO

Lives na pandemia

A opção pela realização de lives durante a pandemia do novo coronavírus foi uma excelente alternativa, também, para os seguidores da cantora gospel Aline Barros.

Aline realizou uma live em sua residência com o objetivo de anunciar o Evangelho de Cristo à sociedade, mas não apenas através dos louvores já consagrados pelo gospel brasileiro e sim também com a arrecadação de alimentos.

A live de Aline Barros conseguiu levantar cerca de 50 toneladas de alimentos através de doações. “Estamos com o nosso coração ardendo e com grandes expectativas, porque a Igreja não para e a gente continua avançado”, disse a cantora.

ANÚNCIO

Em sua apresentação, Aline Barros contou com a participação do seu marido, o pastor Gilmar Santos, e também com o apoio da Mesa Brasil. Assista clicando aqui.

ANÚNCIO

Fonte: noticias.gospelmais.com.br/igreja-promove-live-72-horas-leitura-biblica-134691.html

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here