Sede da GympassFoto: Germano Lüders29/01/2019
Sede da GympassFoto: Germano Lüders29/01/2019

Escritório da Gympass em São Paulo: expoente brasileiro em saúde corporativa (Germano Lüders/Exame)

A Gympass, startup brasileira de benefícios corporativos, mudou seu modelo de negócios para incorporar ainda mais benefícios à sua plataforma. Além da integração com mais de 20.000 academias, a plataforma passou a incorporar uma área mais ampla de profissionais voltados ao bem estar, como nutricionistas, psicólogos, preparadores físicos e aplicativos de meditação. A mais nova integração é com a Mobills, aplicativo de gestão financeira. 

“Quando veio a pandemia, do dia para a noite as academias foram fechadas e a gente não tinha mais produto para oferecer, para as empresas, os funcionários e a as academias”, diz Priscila Siqueira, presidente da Gympass no Brasil. Depois de enfrentar uma leva de demissões, a Gympass passou a oferecer conteúdo de atividades físicas e aulas online, para dar uma nova fonte de renda para as academias e profissionais de educação física. Com a reabertura das academias, o serviço deve ser híbrido entre as aulas virtuais e as atividades presenciais. 

O projeto começou com sete aplicativos e hoje são mais de 30 funções integradas. “Essa visão para o bem estar abriu um leque de oportunidades para nós”, afirma a executiva. O modelo de negócios se manteve o mesmo: a Gympass vende o serviço para as empresas, como um benefício a ser oferecido aos funcionários. Mesmo com a pandemia, a Gympass ganhou 40 novos clientes em todo o mundo. 

Veja também

Gestão financeira para a produtividade

A Mobills foi fundada em 2013 em Fortaleza, CE, por Carlos Terceiro, analista de sistemas que buscava uma forma diferente de organizar suas finanças. O aplicativo começou a ser distribuído em 2014, aliado a conteúdo financeiro. 

O serviço chegou a 7 milhões de usuários este ano e o empreendedor entendeu que, para se tornar mais acessível, precisava encontrar um novo público: o corporativo. “As pessoas com boa gestão financeira são mais produtivas no trabalho”, diz. De acordo com Terceiro, a pandemia trouxe uma nova visão para os departamentos de recursos humanos das empresas, de um cuidado mais amplo com os funcionários. Por isso, com a mudança nas empresas e no modelo de negócio da Gympass, a Mobills consegue chegar ao público mais amplo e aumentar a produtividade das empresas, acredita.

A Mobills tem 56 funcionários e em 2019 cresceu 51% em receita, com seu produto premium. Em 2020, o objetivo é crescer 47%. Cerca de 15% dos usuários da Mobills vem de mercados internacionais, na América Latina e Estados Unidos. Com a parceria com a Gympass, que tem operações em 14 países, a startup financeira quer chegar a até 25% de membros estrangeiros. 

Para a Gympass, os novos produtos também são uma forma de “Com a inclusão desses novos produtos, democratizamos o benefício e mais funcionários conseguem aproveitar”, afirma a presidente da startup para o Brasil.

Veja também

imagem22-09-2020-09-09-22
imagem22-09-2020-09-09-22

Fonte: www.xn--flashdenotcias-9lb.com.br/2020/09/22/alem-das-academias-plano-da-gympass-oferece-ate-educacao-financeira-exame

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here