ANÚNCIO

Uma nuvem de gafanhotos que se move em direção ao Brasil, vinda da Argentina, virou assunto nas redes sociais como se representasse uma espécie de reedição das pragas do Egito, ou um presságio do fim do mundo. O pastor Renato Vargens comentou as especulações fazendo referência ao sermão escatológico de Jesus no livro de Mateus.

ANÚNCIO

A notícia de que uma nuvem de gafanhotos que chegou à Argentina vinda do Paraguai e estaria rumando ao Brasil e Uruguai foi recebida com espanto por usuários das redes sociais. O Serviço Nacional de Saúde e Qualidade Agroalimentícia da Argentina (SINASA) confirmou que os insetos estão a poucos quilômetros do Rio Grande do Sul.

Para muitos, a chegada no Brasil de uma nuvem de gafanhotos, associada à pandemia de Covid-19 e o registro de um terremoto no México com 7,4 graus de magnitude na escala Richter, seria um sinal de uma hecatombe de proporções bíblicas.

Houve até quem associasse os eventos à estreia da terceira e última temporada da série Dark, na Netflix, que tem como premissa o acontecimento do apocalipse no dia 27 de junho deste ano.

ANÚNCIO

O pastor Renato Vargens, da Igreja Cristã da Aliança, comentou as especulações em um breve artigo em seu blog.

ANÚNCIO

“As redes sociais estão repercutindo a ideia de que as 10 pragas do Egito estão acontecendo novamente no mundo, isto porque, além do Covid-19, recebemos a notícia de uma grande nuvem de gafanhotos que saiu do Paraguai ameaçando a Argentina e o Brasil. Para piorar a situação ouvimos de um terremoto no México, além de que em 2020 vários vulcões entraram em erupção, isso sem falar numa nuvem de poeira vindo do deserto do Saara dirigindo-se as Américas, o que tem feito muitos acreditarem que as pragas ocorridas ao povo egípcio ocorrerão em breve”, recapitulou.

Em sua opinião, é pouco provável que esses eventos sejam uma reedição das pragas do Egito: “Na verdade, entendo que aquilo que está acontecendo se encaixa perfeitamente no sermão profético de Jesus retratado no capitulo 24 de Mateus. Nosso Senhor afirmou que alguns sinais antecederiam sua vinda. Ele deixou claro que esses sinais se acentuariam como as dores de parto de uma mulher”, afirmou Vargens.

“Na verdade, desde 70 d.C., com a destruição do templo de Jerusalém pelos romanos, o mundo tem experimentado cataclismas, guerras e rumores de guerras, multiplicação da iniquidade, esfriamento do amor que juntamente com outros acontecimentos apontam para a volta de Cristo. Portanto, o que vemos não é  uma reedição das pragas egípcias, mas, acentuação das dores de parto, onde a voz do Senhor tem soado como trovão chamando os homens ao arrependimento, visto que em breve o Rei voltará”, concluiu o pastor Renato Vargens.

ANÚNCIO

AS 10 PRAGAS DO EGITO ESTÃO ACONTECENDO NOVAMENTE?

As Redes Sociais estão repercutindo a ideia de que as 10 pragas do Egito estão acontecendo novamente no mundo… (para continuar lendo clique no link abaixo)https://t.co/MBj81m987V

— Renato Vargens (@renatovargens) June 24, 2020

ANÚNCIO

Fonte: noticias.gospelmais.com.br/nuvem-de-gafanhotos-pragas-brasil-pastor-biblia-136663.html

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here