ANÚNCIO

A causa e origem do racismo é o pecado, intrínseco à humanidade, e essa mazela só pode ser vencida através da Palavra de Deus. Esse é o resumo de um artigo publicado pelo pastor Renato Vargens, no contexto das manifestações em diversas partes do mundo contra o racismo.

ANÚNCIO

O pastor, que lidera a Igreja Cristã da Aliança, em Niterói (RJ), fez um breve resumo sobre o conceito de depravação total que assola a humanidade desde o princípio dos tempos para explicar o motivo de existir, entre semelhantes, distinções por questões de cor de pele ou etnias.

“O racismo é um dos principais problemas sociais enfrentados pela humanidade. Devido ao pecado e a queda de Adão o homem tem promovido de forma pérfida, exclusão, desigualdade social e violência. Absorto em maldade, esse homem, destituído da glória de Deus, tem por séculos a fio subjugado outro homem pelo simples fato de acreditar que possui supremacia sobre àquele que não faz parte da sua cultura e raça”, resumiu Vargens.

Em seguida, o pregador da teologia reformada pontuou que “à luz das Escrituras”, o papel do cristão é combater o racismo “de forma veemente”, e listou “quatro motivos bíblicos porque como cristãos devemos combater esse comportamento afrontoso”.

ANÚNCIO

Confira a lista publicada pelo pastor Renato Vargens em seu blog na íntegra:

ANÚNCIO

1- O racismo deve ser combatido pelo fato de que Deus criou os homens iguais. Todos os homens foram feitos pelo Senhor de forma igualitária. (Gênesis 1:27) O pecado que deformou isso, fazendo com que homens se considerassem melhores que outros homens oprimindo e escravizando os que consideram inferiores.

2- O racismo deve ser combatido porque as Escrituras ensinam que Senhor fez de um só homem toda nação dos homens, para morarem sobre a superfície inteira da Terra. (Atos 17:26)

3- O racismo deve ser combatido porque as Escrituras afirmam que o homem foi criado a imagem e semelhança de Deus o que aponta para o fato inequívoco de que a humanidade carrega traços do Senhor em suas vidas. Em outras palavras os homens, quer sejam, caucasianos, africanos, asiáticos, árabes, judeus independente da etnia, carregam em si alguns dos atributos de Deus como amor, discernimento, moralidade, desejo de fazer o que é correto, misericórdia, bondade e etc.

ANÚNCIO

4- O racismo deve ser combatido porque nosso Senhor ensinou que devemos amar uns aos outros assim como Ele nos amou. (João 13:34) Em outras palavras o mestre deixou claro  que os cristãos devem amar a todos sem preconceito social ou étnico racial. Além disso, as Escrituras também nos ensinam que Cristo salvou pecadores,  homens e mulheres “de todas as nações, e tribos, e povos, e línguas” (Apocalipse 7:9) que juntos viverão com aquele que os salvou, numa sociedade perfeita, sem pecado e racismo. (Apocalipse 21 e 22).

ANÚNCIO

Fonte: noticias.gospelmais.com.br/deus-criou-homens-iguais-pastor-combater-racismo-135909.html

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here