ANÚNCIO

A pandemia do novo coronavírus é um desafio para muitas pessoas que dependem do dia-a-dia para tirar o seu sustento. A quarentena tem desafiado a criatividade de chefes de família, já que muitos são trabalhadores informais e precisam da atividade comercial para sobreviver, como uma desempregada chamada Zenilda Benvindo Pereira.

ANÚNCIO

Zenilda passa pelas mesmas dificuldades que milhares de outras pessoas enfrentam. Contudo, mesmo desempregada, ela resolveu dar um jeito para colaborar com a sua comunidade, fabricando máscaras de proteção contra o novo coronavírus, mas não para vender e sim doar.

“Eu me sinto bem em ajudar o próximo, afinal, estou salvando vidas. Lá na frente Deus vai me recompensar”, disse Zenilda, segundo informações do Notícias Adventistas.

Zenilda é artesã e possui habilidades com a máquina de costura. Ela entendeu que assim como a sua família, outras passam por dificuldades ao ponto de não poder adquirir máscaras de proteção em certa quantidade, precisando da doação para conseguir se proteger na pandemia.

ANÚNCIO

Mãe de dois filhos, um de 10 e outro de 11, ela contou um pouco do seu testemunho:

ANÚNCIO

“Estou desempregada, meus armários estavam vazios. Eu devia pensar no dinheiro, aproveitar a oportunidade, mas não. Pensei em doar”, disse ela. Segundo Zenilda, o momento atual não permite pensar em lucros, mas sim em solidariedade.

“A gente não tem que pensar em dinheiro agora. Precisamos pensar no próximo, porque muitas pessoas precisam. Deus está sempre abençoando, não deixa faltar”, disse ela.

A própria Zenilda chegou a passar mal, mas não teve o diagnóstico de coronavírus confirmado. Por outro lado, ao sair do hospital onde foi socorrida ela foi o quanto é importante o uso das máscaras, então resolveu fabricar por conta própria.

ANÚNCIO

“Eu começo às 10 horas da manhã, paro um pouquinho ao meio-dia para dar almoço para as crianças, depois vou pra máquina de novo. Quando os braços começam a doer, eu paro e retomo no final da tarde, vou até umas 18 ou 19 horas”, disse ela.

ANÚNCIO

O gesto de solidariedade de Zenilda contagiou outras pessoas, inclusive quem recebeu dela a doação de máscaras. “Algumas pessoas que ajudei me doaram cestas básicas”, disse ela.

O caso de Zenilda é um exemplo que inspira a sociedade e tem como fundamento o reflexo do amor de Cristo em sua vida, sem o qual ela não compreenderia o valor da vida humana como ela realmente é aos olhos de Deus.

“Nós já fizemos mais de três mil máscaras e eu acho muito legal ajudar as pessoas, me sinto muito bem fazendo isso e ajudando minha mãe. Ela é meu exemplo”, disse o filho Mateus Victor Peixoto, de 10 anos.

ANÚNCIO

Fonte: noticias.gospelmais.com.br/mulher-mascaras-doacao-desempregada-deus-134756.html

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here